LIVROS:

 

1. LIVROS UNIVERSITÁRIOS:

A CAPITAL DA GEOPOLÍTICA

Autor: José William Vesentini
Editora Ática
Coleção: Ensaios
ISBN: 8508020619
Páginas: 240
Primeira edição: 1987; 5a. edição em 1996.

Já esgotado e não reeditado. Pode ser baixado no formato PDF --> clique aqui

Defendida originalmente como tese de doutoramento, em março de 1985 (como a primeira pesquisa/tese em Geografia política/geopolítica no Brasil), foi publicada em 1987 com algumas alterações que visaram tornar o texto menos acadêmico. É um estudo que busca compreender a transferência da capital federal do país do Rio de Janeiro para Brasília, e também determinadas particularidades político-espaciais desta nova cidade-capital. As relações entre Espaço (espaço geográfico, espaço construído) e Poder são básicas nesta análise, que destrinçou as razões mais profundas desse processo: a influência do pensamento geopolítico na estratégia espacial do Estado brasileiro no período, as ligações da implantação de Brasília com outras políticas territoriais coevas (a criação do ministério do planejamento, da Sudene e do Nordeste como "região problema", a "marcha para Oeste", a proteção das fronteiras, etc.), a concepção de política e de governo em Juscelino Kubitschek, as influências do modernismo de Le Corbusier e da Carta de Atenas -- e a ideologia desta corrente de pensamento -- em Lúcio Costa e Oscar Niemeyer, a funcionalidade do espaço urbano de Brasília para o exercício do poder, etc.

 

IMPERIALISMO E GEOPOLÍTICA GLOBAL

Autor: José William Vesentini
Editora Papirus
Série Educando
ISBN: 853080132
Páginas: 125
Primeira edição:1987; 3a. edição em 1997.

[ESGOTADO! NÃO SERÁ MAIS REEDITADO DEVIDO À ELABORAÇÃO DE UM NOVO LIVRO QUE O SUBSTITUI (VER ABAIXO)]

Um estudo sobre o sistema global no final dos anos 1980, pouco antes da crise do mundo socialista, numa perspectiva geográfico-política. Partindo de uma crítica (no sentido dialético do termo: como superação com subsunção e compreensão do papel histórico do objeto de críticas) da teoria leninista do imperialismo, que é dissecada em suas origens e motivações, mostra-se a necessidade de criar novos conceitos ou teorias -- ou atualizar alguns já existentes -- para se dar conta da nova realidade mundial, que não pode mais ser compreendida (se é que alguma vez pôde) pelas molduras da teoria do imperialismo, que por sinal foi o alicerce da teoria da dependência. Apesar do contexto geopolítico internacional ter mudado com o final da guerra fria e com o advento da nova ordem mundial, esta análise da teoria do imperialismo permanece bastante atual, ainda mais porque vários autores hoje em dia tentam recuperá-la para dar conta da globalização (ou sistema global), algo que este livro já demonstrava não ter pertinência.

GEOGRAFIA E ENSINO - TEXTOS CRÍTICOS

Organizador: José William Vesentini
Editora Papirus
Páginas: 202

Primeira edição: 1989; 10a. edição em 2007.


Uma coletânea de textos de autores brasileiros e franceses -- Yves Lacoste, B.Giblin, M.Foucher, Claude e Maria Reteilman, Vânia Vlach, Márcia Spyer, C.D.de Oliveira, Nídia N.Pontuschka e J.W.Vesentini -- a respeito do ensino da Geografia. Os textos franceses foram traduzidos de um número especial sobre ensino da revista Hérodote, e os demais textos foram escritos especialmente para esta antologia. São textos que abordam o significado da ideologia nacionalista na Geografia escolar, a prática de ensino na disciplina, os livros didáticos e a imagem do Brasil nos manuais franceses, por que lecionar Geografia, as disputas entre a Geografia e a História no sistema escolar francês e a importância de Delgado de Carvalho na introdução da Geografia "moderna" no Brasil.

GEOGRAFIA, NATUREZA E SOCIEDADE

Autor: José William Vesentini
Editora Contexto
Coleção Repensando a Geografia
ISBN: 8585134577
Páginas: 94
Primeira edição: 1988; 3a. edição em 1992.


Resultado do curso "Conservação dos recursos naturais", lecionado a nível de graduação no Depto. de Geografia da FFLCH-USP por alguns anos, em 1985, 86 e 87, este livro enfoca os seguintes temas: qual o significado do patrimônio cultural-ecológico, o(s) ecologismo(s) e os movimentos ambientalistas, a questão da unidade e da dicotomia na geografia (os estudos geográficos da natureza e da sociedade), o marxismo e a problemática da natureza, geopolítica e questão ambiental. É uma abordagem da problemática ecológica ou ambiental num ângulo (geo)político, no sentido amplo do termo. Expondo a especificidade da concepção ocidental e moderna de natureza, demonstra-se que a sua oposição frente à sociedade não deve ser resumida a um imbróglio do discurso geográfico, como advogam alguns, mas entendida como um dilema histórico da modernidade. Muito antes da RIO-92, este livro já enfatizava a importância da questão ambiental para os rumos de cada sociedade -- e do sistema global -- no século XXI.


PARA UMA GEOGRAFIA CRÍTICA NA ESCOLA

Autor: José William Vesentini
Editora Ática
Coleção: Fundamentos
ISBN: 8508040598
Páginas: 136

Primeira edição: 1992; 5a. edição em 1998.

Já esgotado e não reeditado. Pode ser baixado no formato PDF --> clique aqui

 

Uma antologia de textos a respeito do ensino da Geografia numa perspectiva crítica. Alguns foram apresentados em Congressos ou Encontros de geógrafos e educadores e outros são originais. Vários temas são abordados: o que significa(m) Geografia(s) escolar(es) crítica(s), para que serve ensinar Geografia, ensino e lutas sociais, as polêmicas sobre o livro didático, o que quer dizer contribuir para desenvolver a cidadania, etc.

NOVAS GEOPOLÍTICAS

Autor: José William Vesentini
Editora Contexto
Coleção Caminhos da Geografia
ISBN: 8572441514
Páginas: 125
1a. edição em outubro de 2000; 4a. edição em 2008.


Uma obra que analisa as representações geopolíticas do mundo pós-guerra fria. A partir do confronto com as "geopolíticas clássicas", cujos pressupostos em grande parte se esgotaram (e o livro explica o porquê disso), mostra-se o advento de "novas geopolíticas" a partir do final dos anos 1980, cujas características são bem diferentes daquelas anteriores: elas, principalmente, relativizam (mas não omitem) a guerra militar e enfatizam outras "guerras" (econômicas, culturais, cibernéticas, ambientais...). São representações do mundo realizadas por especialistas de diversas áreas -- geógrafos (Taylor, Parker, Agnew), historiadores (Kissinger, Kennedy), cientistas políticos (Brzezinski, Luttwak), economistas (Thurow, Ohmae), sociólogos (Fukuyama, Huntington) e outros --, que procuram explicar como se dará a disputa mundial pelo poder no século XXI.

 

NOVA ORDEM, IMPERIALISMO E GEOPOLÍTICA GLOBAL

Autor: José William Vesentini
Editora Papirus
ISBN: 85-308-0702-2
Páginas: 158.

1a. edição em maio de 2003.

Já esgotado e não será mais reeditado. Pode ser baixado no formato PDF --> clique aqui

Uma reedição, com atualizações e inúmeros acréscimos e reformulações -- inclusive um novo capítulo --, daquela obra de 1987, "Imperialismo e geopolítica global", procurando levar em conta as mudanças ocorridas na realidade mundial e também as novas interpretações que surgiram nesse período. Trata-se de uma análise da ordenação geopolítica mundial no início do século XXI, que enceta um diálogo crítico com a(s) teoria(s) do imperialismo(s) e com as principais visões geopolíticas, numa perspectiva nova e original que incorpora elementos dessas duas tradições teóricas. Existe agora um diálogo crítico com a idéia de "império" [norte-americano], uma maior ênfase na questão dos novos atores no plano global -- as ONG's, a mídia, as redes terroristas, etc. -- e um novo capítulo centrado na problemática das desigualdades internacionais.

 

O ENSINO DA GEOGRAFIA NO SÉCULO XXI

Organizador: José William Vesentini
Editora Papirus, 288 pgs.

 

Lançado em junho de 2004. 3a. edição em 2007. Veja a entrevista do organizador sobre o livro.

 

Uma coletânea de textos ou ensaios, redigidos especialmente para esta obra, de vários autores -- todos geógrafos e educadores -- que abordam a realidade e as perspectivas do ensino da geografia neste novo século em alguns países selecionados: no Brasil (J.W.Vesentini), nos Estados Unidos (Susan Hardwick), na França (Isabelle Lefort), na Espanha (Xosé M.S. Gonzales), em Portugal (Emília S. Lemos), no México (Javier C. Rincón), além de um texto que mostra a importância da multidisciplinaridade e do ensino do meio (de Nídia Nacib Pontuschka) e um outro que traça um histórico do ensino da geografia no Brasil (de Vânia Vlach).

textensaios

 

ENSAIOS DE GEOGRAFIA CRÍTICA - História, epistemologia e (geo)política

Autor: José William Vesentini

Editora Plêiade, 2009, 220 pgs.

Coletânea de ensaios que abordam temas variados: epistemologia e história da geografia, qual é o significado de crítica na geografia crítica, a atualidade do geógrafo-anarquista Piotr Kropotkin, a questão da natureza na geografia e no seu ensino, algumas polêmicas cruciais que ocorreram na ciência geográfica, a crise da geopolítica brasileira tradicional e uma análise crítica da geopolítica de Golbery do Couto e Silva.

Disponível para download em PDF--> clique aqui

textcapa

 

 

REPENSANDO A GEOGRAFIA ESCOLAR PARA O SÉCULO XXI

Autor: José William Vesentini

Editora Plêiade, 2009, 161 pgs. .

A escola do século XXI será - e já começa a ser - bastante diferente daquela do século XX. Uma escola voltada não tanto para ensinar conteúdos e sim para desenvolver competências, inteligências múltiplas, habilidades e atitudes. Uma escola para o mundo globalizado, para um novo mercado de trabalho, para sociedades multiétnicas e multiculturais. Como fica o ensino da geografia neste novo contexto? Esta obra procura mostrar as mudanças que vem ocorrendo no ensino da disciplina, que se revaloriza com este novo sistema escolar. Uma geografia escolar que desenvolve o raciocínio geográfico (conceito explicado nesta obra), que leva o educando a compreender o mundo em que vivemos, que analisa as relações sociedade/natureza nas diversas escalas geográficas, da local até a global.

Disponível para download em PDF--> clique aqui

 

 

2. LIVROS PARADIDÁTICOS (isto é, que podem ser usados no ensino fundamenal e médio como apoio para um tema específico, como leitura extra-classe, como objeto de análise em trabalhos ou seminários, etc.):

ÊXODO RURAL E URBANIZAÇÃO

Autores: Fernando Portela e José William Vesentini
Coleção: Viagem pela Geografia
ISBN: 8508052707
Formato: 20,2x27,5
Páginas: 48

(Livro que une a ficção -- a saga de uma família que sai do meio rural para residir numa cidade média e depois acaba se mudando para uma metrópole (SP) -- com a compreensão científica das migrações rurais-urbanas e da urbanização brasileira. Procura-se motivar o educando do ensino fundamental ou médio através da literatura e, de forma integrada e complementar, são explicados os conceitos fundamentais para a compreensão do tema.)

 

A CRISE DO MUNDO SOCIALISTA

Autores: Rosana Bond e José William Vesentini
Coleção: Viagem pela Geografia
ISBN: 8508044984
Formato: 20,2x27,5
Páginas: 56

(Livro que une a ficção -- dois jovens, um russo e uma alemã, estão em Berlim no exato momento em que o muro é derrubado pela população, vivenciando assim o principal símbolo da crise do socialismo real -- com a análise geográfica do antigo "mundo socialista" e as suas particularidades. Mostra-se aqui o cotidiano das pessoas sob o socialismo real e também o que era a economia planificada e quais são os seus problemas, as diferenças entre o socialismo ideal -- do século XIX -- e o socialismo realmente existente, etc.)

Já esgotado e não reeditado. Pode ser baixado no formato PDF --> clique aqui

 

 

A NOVA ORDEM MUNDIAL

Autor: José William Vesentini
Editora Ática
Coleção: Geografia Hoje
ISBN: 8508053363
Formato: 17x24
Páginas: 80

(Livro destinado ao público em geral, mas de forma especial aos alunos do ensino médio, que explica de forma simples e acessível o que significa a denominada nova ordem mundial: o que é uma ordem geopolítica internacional, como era a ordem bipolar e porque ela ruiu, quais são os principais traços da nova ordem -- a multipolaridade, a globalização com a formação de mercados regionais, a revolução técnico-científica, etc.)

Já esgotado e não reeditado. Pode ser baixado no formato PDF --> clique aqui

 

 

3. LIVROS DIDÁTICOS/COMPÊNDIOS ESCOLARES:


SOCIEDADE E ESPAÇO


(A obra que introduziu a geografia crítica no ensino brasileiro. Para saber mais clique no título acima)




BRASIL - SOCIEDADE E ESPAÇO

(Livro que abriu novas perspectivas na geografia escolar sobre o Brasil. Para saber mais clique no título acima)


 

GEOGRAFIA CRÍTICA

(Coleção em 4 volumes, em co-autoria com Vânia Vlach, que inovou o ensino fundamental de 5a. à 8a. séries [atualmente 6a. à 9a.], iniciando uma abordagem crítica. Para saber mais clique no título acima)



GEOGRAFIA


(Série Brasil, Ensino Médio, Volume único. Para saber mais clique no título acima)



EJA - GEOGRAFIA


(Educação para Jovens e Adultos, Ensino Fundamental, 3o. e 4o. ciclos. Para saber mais clique no título acima)


 

HISTÓRIA E GEOGRAFIA

(Coleção para o ensino fundamental de 1a. à 5a. séries, em co-autoria com Dora Martins e Marlene Pécora)

(Série Aprendendo Sempre, Editora Ática, Ensino Fundamental I, cinco volumes de História e cinco de Geografia. Para saber mais clique no título acima)

 

 

GEOGRAFIA - o mundo em transição

(Livro volume único para o Ensino Médio, com 760 pgs. Lançado em 2009 pela Editora Ática. Para saber mais clique sobre o título)

No final de 2011 foi lançado em 3 volumes, embora o volume único continue a existir.

Veja um vídeo a respeito dessa obra --> Clique Aqui

 

 

 

Para informações comerciais sobre estas obras -- e outras da mesma área --, consulte os seguintes sites:

Livraria Cultura - Geografia

Editora Ática

Editora Contexto

Editora Papirus

Editora Plêiade